Na Notícias & Eventos você encontra:.............Operação Zelotes põe Lula de novo no banco dos réus...........Seca atinge reservatórios de hidrelétricas e usina de Icém chega a 23% da capacidade............MAIS UMA MORTE! Colisão entre Voyage e Fox mata um e fere outro no entroncamento da SP-425.............Mulher é suspeita de furtar todas as cuecas do ex...........Operador de máquina mata a mulher e fere o amante...........Menina de 4 anos morre após picada de escorpião em escada de igreja em Araçatuba...............Dia 22 de Setembro - Nando Reis em Catanduva.............Ônibus pega fogo perto de Catanduva.................Juiz permite aplicação de terapia de reversão sexual por psicólogos.............Em duelo contra o rebaixamento, São Paulo vence o Vitória em Salvador e respira............Safra de laranja deve ser uma das melhores dos últimos anos no Centro-Oeste Paulista............Melhoramento genético ajuda a reduzir emissões de gases.............Palocci diz que entregou dinheiro a Lula.............Casal que fabricava dinheiro em casa é preso.............Cassino é fechado pela segunda vez em cinco dias...........Gaeco afirma que fraude movimentou R$ 8 milhões..............Carro com falha mecânica prensa e mata cliente que aguardava conserto em oficina em MT..............Prêmio do "Saúde CAP" saí em Icém/SP..............'Peladão' que ataca mulheres é reconhecido por dez vítimas..........Trio é flagrado ao praticar pesca subaquática em local proibido em Icém............Moradora amamentou bebê achado na rua com bilhete antes de resgate: 'Estava com fome'.............

14 de setembro de 2017

Gaeco afirma que fraude movimentou R$ 8 milhões

O vereador de Catanduva Daniel Palmeira (PR) é apontado como líder de quadrilha que fraudava licitações em pelo menos três estados. Palmeira foi preso em sua casa na manhã desta quinta, 14, em megaoperação do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado).
As investigações foram iniciadas em Piracicaba em 2015. Sete pessoas da região foram presas. Equipes do Gaeco de Rio Preto cumpriram os mandados de prisão expedidos pela Justiça de Limeira. Segundo o promotor do Gaeco de Piracicaba André Camilo Castro Jardim, o vereador comandava esquema que fraudava licitações de compras de armários deslizantes. No total, as fraudes somariam R$ 8 milhões.

0 comentários:

Patrocinadores...
    
Patrocinadores...
         
Patrocinadores...
    
Patrocinadores...
    
Patrocinadores...
    
Patrocinadores...
    
Patrocinadores...
    
Nossos Vídeos...